Deus à nossa procura!

Jardim_Botanico_de_Montreal

 

Deus percorria o jardim pela frescura do entardecer. O homem e a mulher logo se esconderam por entre o arvoredo. Deus chamou-os e disse-lhes: “Onde estás”? Ele respondeu-lhe: “ouvi o rumor dos teus passos e escondi-me porque estava nu”. Gn 3, 8-9.

Deus procura-te, no “jardim da tua vida”. Ele deseja estar com aqueles que ama. Ele ama-te e quer entrar em relação contigo. Ele é um Deus à tua procura. Onde te costumas esconder? Que arvoredos te escondem? A vida agitada, os medos: do silêncio, do compromisso, do desconhecido, do que possam dizer os outros…

Basta de te esconderes. Deixa a tua nudez e reveste a tua dignidade original. Abre os braços e abraça o Deus que te procura porque te ama e deseja ver-te feliz. Escreve as tuas motivações e dá o passo em frente. Observa o contentamento interior, a paz que resulta do teu SIM, sem condições.